sábado, 27 de agosto de 2011

Mc Dia Feliz ou Infeliz?


Muito antes de me tornar vegetariana, sempre fui contra a imposição do Mc Donald's. Para mim, a empresa sempre foi sinônimo de Unanimidade Burra. Como aquilo, porque todo mundo come e porque é chique comer aquilo. A frase "Eu muito tudo isso" sempre me cheirou lavagem cerebral da grossa.

Não posso dizer que nunca comi. Já comi, para experimentar quando só havia Mc em Sampa, comi uma outra vez quando na 25 de março não conhecia nenhum lugar legal para comer e já comi muita batata fritas deles por estar pronta. Mas nunca comi com a intenção de ajudar alguém, muito menos eles.

Não nego que quando meu filho tinha uns 3 anos era totalmente influenciável pelos brinquedinhos do lanche. Mas nunca incentivei a isso. Já no lançamento do Big Tasty, (maravilhoso na propaganda e horrível na realidade) mostrei para ele que nem sempre a melhor propaganda tem o melhor produto. Muitas vezes quanto melhor a propaganda, pior o produto.

E assim, consegui convencê-lo em procurar lanchonetes menores, com alto padrão de qualidade e com tudo feito na hora. Temos várias assim em Londrina e esta tarefa foi fácil. De bônus, estou criando um cidadão mais consciente e menos preocupado com marcas famosas. Para ele, cada dia importa mais a qualidade.

Bom, deixei de ser vegetariana (assunto para outro post), mas não deixei de me preocupar com tudo que envolve consumo insustentável, tais como Mc Donalds e semelhantes.

A renda do Mc Lanche feliz é revertida 100% para os Hospitais do Câncer da cidade DESCONTADOS OS IMPOSTOS (até onde eu sei) .Se eu estiver errada, me corrija, por favor. Sabemos que nossa carga tributária não é assim baixa, então dos R$15,00 (to chutando, não sei o preço) que vc paga, pelo menos 3,00 (se for apenas 20% de imposto) não chegarão ao Instituto do Câncer da sua cidade.

O problema (ou a solução para o Mc Donalds) é que todo mundo quer ajudar,mas não quer se comprometer. O pensamento é:" vou lá, levo a criançada para comer e de quebra ajudo alguém."
E é assim com todos os grandes problemas do mundo. Ou vc acha que acaba com a criança abandonada apenas doando dinheiro para o Criança Esperança??

Cara, tá afim de ajudar mesmo, mas não tem tempo? Procure diretamente o Instituto do Câncer da sua cidade! Nem precisa ir lá, a maioria tem um site com o número de telefone. O Instituto do Câncer de Londrina, tem uma página linda e ainda um espaço para doações. Vc pode doar pelo carnê ou pela fatura da conta de luz. E o valor integral do lanche viu? Todo mês se vc quiser, pelo tempo que quiser...

Agora se além da grana, vc tem tempo (ou só tempo) seja voluntário. Vá lá, converse, leia histórias ou apenas dê a mão para alguém segurar durante a quimioterapia. Conheça as histórias e cresça como ser-humano.

Para terminar, leiam este texto da Barbara Gancia sobre McDia Feliz de 2010

Tem mais aqui

Bom final de semana!

8 comentários:

Bia disse...

Disse tudo e mais um pouco Val! Eu trabalho em um centro de referencia em assistencia social na minha cidade, e sei bem da realidade do nosso pais. Muita gente fazendo discurso bonito, mas na hora de ajudar mesmo, viram as costas! As pessoas precisam parar de acreditar em tudo que é marketing barato que aparece. Abrir os olhos e enxergar mto além do que ve da janela da sua casa!!!!!!

Gabriela disse...

Mc Donalds é uma porcaria, e é muuuito caro pelo que oferece ! Antes eu até comia, mas depois que operei não posso nems entir o cheiro que me dá nojo ! E só com o lanche deles, de outros lugares desce muito bem !

Acho que só vale a pena participar dessa campanha se você for lá de qq jeito e optar pelo lanche tal.

O Hospital do Cancer de Barretos tem uma campanha diferente e bem legal, quando vc compra em algum estabelecimento, te dão a opção de vc "doar" a sua notinha, aí os impostos pagos por aquela compra são revertidos todos para o hospital ! Muito mais legal neh ?

Beijãoooo Val !

Bruxa do 203 disse...

É verdade! Já comi muitas vezes lá, gosto do sorvete, mas temos opções muito mais saudáveis por aí. Sobre ajudar, também concordo. Quem quer ajudar vai até a instituição e ajuda, seja financeiramente, seja por meio de atividades voluntárias.

disse...

Apoiado! Não existe almoço grátis. É tudo pelo marketing social!!
E yambém duvido que vá tudo para doação.
Mas o povo gosta, o povo vai ...
Bjs.

Cris disse...

Val, te achei de novo! rsrsrs Não sei porque às vezes te perco pela blogosfera, rsrsrs, mas como o mundo é pequeno (e a blogosfera tb) tô aqui! Adorei o post! Bjs!! Cris

Michelle disse...

Muito legal seu post. Não vou dizer que não gosto de Mc Donalds, pq até gosto, mas só pra se ter uma idéia da hipocrisia que é essa campanha do Mc Dia Feliz, a propaganda nunca diz a renda revertida é a da venda do Big Mc, só o lanche... ou seja, a maioria das pessoas vai lá, compra a promoção do Big Mc (lanche + batata + refri) e no fim das contas não doa nada. Pq única doação válida é quando o lanche é vendido separado.
Caridade ou sacanagem pra vender mais? Fica aí a interrogação...

Bjs.

maria/andrea disse...

Oi Valerie

Até onde sei, a pessoa só "ajuda" se comprar o BIG MAC. O Nº1 NÃO ENTRA NESSA.
Parece que pra "ajudar", tem que comprar o lanche separado...
não se se é isso, mas foi o que ouvi.
Só que quase ninguém compra spo o lanche (compra o nº1). Ajuda muito... a lanchonete, rsrsrs.
Beijo.

Gleiton Parente disse...

Parabéns, eu sou Anti McDonalds, no inicio pensei que fosse pirraça minha não gostar dessa marca, mais ai entrei lá pra trabalhar, fiquei tão enojado até com alguns clientes e funcionários, pra não promover isso eu jogava pão no chão e deixava aquelas carnes de borracha queimar e algumas vezes eu nem se quer comia o lanche que é oferecido la dentro. Me demiti antes de obrigatoriamente participar do "McDia Feliz"