sexta-feira, 20 de maio de 2011

"Só sabe como nosso Sistema de Saúde é falho, quem precisou passar por ele."




Ficha.
Espera para triagem.
Triagem.
Ficha.
Espera para entrar.
Entra.
Espera para entrar no consultório.


Rostos cansados, doentes, se ânimo. Ninguém está aqui porque gosta de hospital. Quando se chega a ir ao Pronto Socorro (que teve o nome estrategicamente alterado para Pronto Atendimento, porque socorrer é pouco) é porque não tem mais jeito.


Minha cabeça pesa. è o nervoso por esperar, é a ansiedade para saber o que tenho, é não saber o que tenho.


Dor no peito em aperto constante. Meu limiar de dor é alto, então a dor parece ser pequena.


Durante a triagem me emociono com uma senhora que não tem filhos e mora sozinha. Está doente porque não comprou os remédios indicados na ultima consulta.  Não conseguiu sair de casa para isso. Como é triste envelhecer sozinho sem apoio.


Como é triste reconhecer a fraqueza do nosso corpo. Saber que ele falha, que não é eterno. Me passa pela cabeça mil promessas de comer menos, ser mais saudável. Quero saber o que tenho. Só isso.


Aqui dentro apesar do que todos dizem, não importa a sigla ou o dinheiro. A demora é a mesma para ser atendido.


Não culpo o atendimento ou os médicos. Culpo na verdade o nosso sistema hipócrita e demagógico que com o lema "Saúde para Todos", apenas conseguiu sucatear o que não era lá essas coisas.


Até onde sei, o Estado é responsável apenas por 3 segmentos: Saúde, Educação e Segurança. Povo não precisa que o Estado faça mais do que isso, desde que se consiga atingir as metas.


Saúde é o mínimo de dignidade que se espera. Não é apenas altos salários. É condições físicas, financiamento de maquinários, capacitação de profissionais.


É Humanização
É Esclarecimento
É Prevenção.


Se todos estes assuntos fossem levados a sério e se não houvessem desvios de verbas, pensamentos egoístas, aproveitamento ilícito teríamos recursos para tanto.


Precisamos parar com o pensamento pocotó de cada região deve ter sua maneira de lidar com a Saúde. Uniformização de padrões de atendimento. Fiscalização intensiva de recursos pelo Conselho Municipal de Saúde que até hoje é algo no papel. Profissionalização dos Conselhos e porque não? Dedicação exclusiva e porque não?


Ainda espero para ser atendida,. Antes de mim, a senhora que mora sozinha, uma moça de aspecto bem debilitado por alguma doença respiratória e um senhor que não urinava desde ontem. Cada um com sua cruz e seu calvário.


Me resta esperar com o mínimo de dignidade possível, ou seja, sem reclamar (pelo menos verbalmente)

Escrevi este post durante minha permanência no hospital hoje. Tive dores no peito no período da manhã que não passavam. Fui para o hospital e depois de tudo isso o diagnóstico: tudo normal. Mesmo assim fui encaminhada para um cardiologista pois o fato de ter melhorado com a medicação para cardíaco deixou uma dúvida.

Amanhã faço alguns exames laboratoriais. Vamos ver.

Amanhã também eu continuo o 30musicas.

Um beijo

7 comentários:

Lilith disse...

Poxa Valerie, espero que esteja melhor!!!
Se cuide!!!

Valérie Roberto disse...

Estou melhor sim, Graças a Deus! Foi um susto enorme! Bjus!

Gabriela disse...

Putz ... Bom, pelo menos não deu nada neh ... Espero que nos exames tb não dê !
Se cuida Val, tenta descansar e ficar calminha ...

Beijão

Aline disse...

Oi Val!
Se Deus quiser não vai dar nada nos exames.
Vou rezar por você.
Beijos!

Valérie Roberto disse...

Hoje estou fazendo um dia diferente. Tinha alguns compromissos mas vou deitar em frente a TV e só!

Obrigada pelo carinho viu?

Beijos

Cacau disse...

Eita Val que foi isso hein?? Olha se estava tudo normal, vc pode ter tido uma crise de ansiedade...so o medico pode confirmar isso mas ja vi meu marido ter e sei que faz a gente jurar q eh um problema cardiaco. Se cuida amiga. Beijos!

Valérie Roberto disse...

Tem males que vem para o bem. apesar de não estar me matando de comer por estes dias, não estava cuidando da qualidade do que eu comia. Hoje já cortei os queijos amarelos, embutidos pesados, gordura e não bebi (coisa rara no sábado)

Então Flor, não vou dizer que não poderia ser uma crise de ansiedade, mas foi a manhã mais tranquila que tive em muitos dias. Até ameaça de invasão tivemos este mes e graças a Deus era trote.

Eu tenho umas crises de ansiedades, mas são diferentes. De qualquer maneira, vou investigar para ficar tranquila, né?

Bju